segunda-feira, 18 de junho de 2012

PARA QUE TANTO ESFORÇO NESSE CAMINHO?

Imagine você caminhando com um grande amigo, e ele começa lhe contar e a explicar que terá uma grande missão em sua vida pessoal.  Mas você sabe que não será fácil para ele, pois precisará enfrentar muitas provas e até mesmo sofrimentos terríveis. Ele fará isso por pessoas que nem mesmo mereciam tanto amor e dedicação. Muitos nem se quer reconhecerão o tamanho esforço, ainda acharão desnecessário tanto sacrifício, virarão as costas, falarão coisas terríveis, mesmo que suas vidas e esperanças existam pelo fato desse seu grande amigo ter se doado de tal maneira. O que você diria a ele? Talvez para ele pensar, ou desistir dessa loucura? Ou quem sabe você como um grande amigo na torcida ou mesmo em oração diria: "Isso jamais lhe acontecerá!"

Estava lendo Mateus 16: 21 - 22, onde Jesus explicava aos seus discípulos tudo que havia de sofrer. Porém Pedro reprendeu Jesus dizendo: " Senhor, tem compaixão de ti; de modo nenhum te acontecerá isso." Pedro não estava orando ou desejando algum livramento para Jesus, pois ele sabia a missão de Jesus na terra. Assim esse mesmo Pedro que já havida reconhecido Jesus como o Cristo, agora estava falando algo por sua própria vontade, mas Jesus sabia muito bem de onde vinha esse desejo.

Enquanto escrevo isso, imagio algumas pessoas pensando... "Como se pode acreditar ou esperar uma vitória, um livramento ou algo bom de um sofrimento assim? Que fé é essa? Que Deus é esse? " Mas foi essa a maneira que Deus escolheu para resgatar sua criação, essa na qual foi separada e destituída do seu glorioso amor. Assim Ele entregou seu único filho para que através da morte, a vida nos fosse dada novamente. Sua missão esta resumida em Lucas 19:10 "Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido." Essa é a maior demonstração de amor, e que muitos se negam a reconhecer.

Fala-se de amor, e quem pode entender e explicar o amor sem citar ou buscar naquele que é o próprio amor? Fala-se tanto de um livre arbítrio e ao mesmo tempo ouvimos perguntas como: "Por que Deus permitiu isso com seu próprio filho?"  Mas não fomos nós que escolhemos? Não foram as livres escolhas do próprio homem e o seu "achar" sobre o "correto" amor, que libertaram Barrabás e crucificaram Jesus? Assim com nossa intrepidez de julgar os caminhos de Deus, nos achamos corretos ou bons com nossas próprias vontades em "desejar" o "bem", como Pedro. Mas Jesus disse em resposta a esse desejo: "Para trás de mim, Satanás, que me serves de escândalo; porque não compreendes as coisas que são de Deus, mas só as que são dos homens.”

O
lhando pelos olhos carnais, talvez não vejamos maldade alguma nessa frase: " Senhor, jamais, de modo algum isso te acontecerá." Mas, com os olhos espírituais podemos entender que Satanás éra o maior interessado em que Jesus não morresse na cruz e cumprisse o que hoje é nossa liberdade e salvação.

Sei que não desejamos passar algumas lutas e cargas em nossos dias, e é normal que venhamos pedir ao Senhor que nos ajude. É muito bom saber que Ele tem planos de paz para nós e não de mal, para nos dar o fim que desejamos (Jeremias 29:11). Mas,precisamos também pedir sempre ao Espírito Santo que nos instrua, nos mostre, nos capacite, nos de ousadia e muita força para enfrentar alguns caminhos difíceis. Pois sabemos que se formos trilhar caminhos somente por nossas próprias escolhas e vontades, certamente deixaremos de ser bençãos em muitas situações e lugares em que poderíamos fazer toda diferença. Isso se compreendessemos as coisas do alto e  se tivessémos aguentado um pouco mais, talvez participado, ou então enfrentado o inimigo das nossas almas, que muitas vezes nos cega, nos intimida e nos faz pensar "Para que tanto esforço nessa caminhada?"



E se não compreendemos que nem sempre o melhor caminho são os caminhos sem pedras, e que no deserto pode brotar água potável, então serve para nós o que Jesus disse para Pedro, pois também não compreendemos as coisas que são de Deus, mas só as que são dos homens. Precisamos aprender a confiar, que mesmo em caminhos difíceis, o Senhor tem uma grande história para escrever em nossas vidas. Pois Ele passou e se lançou no caminho mais difícel, para que em todos nossos caminhos difíceis Ele fosse a única ponte que nos leva à vida, que nos leva à Deus.





Esquadrinhemos os nossos caminhos, e provemo-los, e voltemos para o SENHOR. (Lamentações 3:40)


Portanto, já que vocês ressuscitaram com Cristo, procurem as coisas que são do alto, onde Cristo está assentado à direita de Deus. (Colossenses 3:1)


Jackeline Matosateus 16:22or, tem compaixão de ti; de modo nenhum te acontecerá isso.
Mateus 16:22
Senhor, tem compaixão de ti; de modo nenhum te acontecerá isso.
Mateus 16:22